Notícias

Mineira que completará 103 anos esbanja alegria e saúde em entrevista dada à Itatiaia

Por Redação, 17/01/2020 às 17:56
atualizado em: 17/01/2020 às 19:35

Texto:

De acordo com o IBGE, a expectativa de vida para os homens mineiros é de 74,1 anos e, para as mulheres, de 79,9. No entanto, para Delmira Maria de Jesus, isso vai bem além. Mais conhecida como "Bakana", ela completará no dia 22 de abril, 103 anos. Ela nasceu em 1917, em Rubim, no Vale do Jequitinhonha.

Vaidosa, gosta de estar sempre muito bem arrumada. Teve 16 filhos, dos quais 11 ainda estão vivos. A filha mais velha tem 82 anos. Ela deu entrevista exclusiva ao programa Chamada Geral, da Itatiaia, nesta sexta-feira.

Assista:

Hobbies

Bakana revela ser amante de uma boa bebida. "Tomar comprimido para quê? Toma cerveja que é bem melhor". Quando pode, ela também gosta de andar a cavalo, mas não pode ser qualquer um. "Só não gosto de cavalo feio nem lerdo". Sobre a possibilidade de dirigir, ela brinca: "Se eu dirigisse, não tava aqui, tava num lugar mais longe".

Belo Horizonte

Atualmente morando em Santo Antonio do Jacinto, também no Vale do Jequitinhonha, Bakana tem dois filhos que moram em BH. Um deles é dono do restaurante Jeito Verdim, no bairro Santa Terezinha, na região da Pampulha, em BH. No local, a idosa faz sucesso sempre que chega na hora do almoço, tira fotos com o pessoal e gosta de ficar fazendo gracinha. "Vou na mesa de todo mundo, quem me dá atenção eu vou lá e pego o copo de cerveja dele e bebo. Se não der atenção, vou pra outro".

Saúde

A senhora afirma não ter dores no corpo e a pressão dela está controlada. "De vez em quando, eu vou à farmácia lá pertinho de casa. 'É pressão de criança?' (brinca o farmacêutico). Criança de 103 anos". Além disso, a idosa diz que detesta cigarro e procura não ficar perto de quem está fumando.

Educação dos filhos

Bakana diz que o modo de criação mudou muito da época dela para os dias atuais. "Hoje em dia tem menino muito desaforado. Os filho tinham educação. Hoje eu vejo menino pequeno dando chute na bunda da mãe e ela ri. De primeira, a gente não batia de mão, a gente tirava um cipozinho fedegoso", brinca.

Em relação aos filhos, ela se mostra bem orgulhosa por tê-los criado sem problemas. "Os meus, graças a Deus, a providência divina foi muito santíssima".

Dia a dia

A idosa tem uma vida muito tranquila. Bem caseira, ela gosta de ficar em casa assistindo televisão. "Eu assisto o terço, a missa, mudo o canal lá para Goiás para assistir a novena do padre Robson, tranco minha televisão, deito no sofá e pronto". Ela também revela que seu prato preferido é feijão com farinha e carne de porco ou galinha caipira. "Galinha de granja, se eu provar, fico três anos arrotando ruim".

Dicas

Quando perguntada os segredos de como se chegar aos 103 anos com tanta alegria e vitalidade, é bem direta. "Eu não dou dica para ninguém porque cada um faz para si e Deus faz por todos. Se você não merecesse, Jesus não te dava. Tem que ter fé e confiar", finaliza.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link